O que é relacionamento abusivo? Entenda!

Ciúme, possessividade e controle no relacionamento não são normais!

O que é relacionamento abusivo? Entenda!
FOTO: Divulgação

Papo sério: Relacionamento abusivo é um tema que temos que falar. Você já ouviu de um ex ou atual namorado a frase “ninguém vai te querer“? Essa é uma frase comum e um dos indícios de abusos que podem ocorrer dentro de um relacionamento, como chantagem emocional, controle do parceiro sobre você, suas amizades e relações, e até tentativas de abalar sua autoestima.possessividade pode prejudicar a liberdade e privacidade das pessoas.

Entenda o que é machismo e saiba identificar e evitar um relacionamento abusivo:

Aliás, dá uma olhada na história da blogueira Evelyn Regly: a girl conta em seu livro, “É do Babado”, como foi vivenciar um relacionamento abusivo. Além de falar sobre lidar com os abusos psicológicos que sofria, ela conta um pouquinho sobre como foi dar um fim à relação no vídeo a seguir:

É claro que é mais fácil identificar algo de errado no relacionamento da miga do que no seu, mas a psicóloga Adriana Serrano fala sobre indícios que evidenciam esse tipo de relação: “tem que existir diferença de poder dentro do relacionamento. Onde há ciúme excessivo ou, de algum jeito, um dos dois tenta controlar a vida do outro, exercer um poder sobre o outro”.

Isso é um relacionamento abusivo, porque tende a anular a privacidade e individualidade da pessoa. Por isso, é legal ter consciência de que um relacionamento saudável não tem que privá-la de suas particularidades, viu! “Por mais que essas atitudes possam ser confundidas com sentimentos de proteção e amor, é legal perceber que, em uma relação saudável, tem que haver respeito à individualidade do outro”, explica a psicóloga.

Além disso, é bem normal que, nessas situações, o parceiro tente abalar sua autoestima, o que torna mais difícil ainda sair do relacionamento. Por isso, é importantíssimo não se esquecer de si mesma e ter sempre com quem contar.

Muita gente costuma se entregar totalmente ao relacionamento e fazer tudo aquilo que o namorado espera. E isso acaba abrindo espaço para um relacionamento abusivo”, conta a profissional. Então, é essencial pensar se você não está se deixando de lado por conta do namoro, hein!

Abaixo, estão alguns dos sinais que indicam um relacionamento abusivo e violento:

TT-violencias-contra-mulher

Foto: Todateen/adaptação

E claro, é válido lembrar que, se você viveu ou está vivendo um relacionamento abusivo, não tem que sentir culpa nenhuma disso. “Dão a entender que é culpa da pessoa que se submete a isso, pois existe cultura à culpabilização da vítima na nossa sociedade”, explica Adriana. Por isso, é importantíssimo procurar ajuda profissional.

O site Livre de Abuso buscar apoiar vítimas de um relacionamento abusivo reunindo formas de identificar e sair da situação! Total girl power, hein?!


Texto: Gabriela Silva de Carvalho / Colaboradora

Os comentários estão desativados.