garota, corpo, espelho

Puberdade e mudanças com o corpo

Dúvidas, dúvidas e mais dúvidas! Sabe aquelas perguntas que muitas vezes passam pela sua cabeça, mas você fica com vergonha de ...

Dúvidas, dúvidas e mais dúvidas! Sabe aquelas perguntas que muitas vezes passam pela sua cabeça, mas você fica com vergonha de falar para alguém? Pode ter certeza que outras meninas também já tiveram essas mesmas dúvidas. Na verdade, ter vergonha de descobrir as respostas relacionados às mudanças no corpo, menstruação, virgindade, sexo, etc, é uma grande bobagem.

Pensando em te ajudar a solucionar as questões sobre esses assuntos, a partir de hoje a todateen vai fazer um Especial Sexo. Conversamos com algumas ginecologistas que responderam às perguntas mais comuns das meninas nessa fase de puberdade e adolescência.

Aliás, esse é o tema de hoje: a puberdade e todas as mudanças que rolam com o nosso corpo quando começamos a deixar de ser crianças e nos preparamos para entrar na adolescência. A doutora Flávia Fairbanks é quem respondeu às perguntas. E se algumas das suas dúvidas não forem respondidas, é só deixá-las nos comentários que a gente volta a falar com os especialistas.

Essas informação são úteis e superimportantes para a sua saúde, e você ainda vai poder compartilhar as respostas com suas amigas!

Garota, corpo, espelho

Foto: Thinkstock/ Getty Images

Idade e mudanças
Não existe uma idade certa para começarem a surgir as primeiras mudanças significativas no corpo de uma menina. As meninas percebem essas mudanças “quando começa o crescimento mamário e o aparecimento dos pelos pubianos e axilares”, diz a Dra. Flávia Fairbanks, mas a idade varia de menina para menina. O mais comum, é que essas mudanças aconteçam entre os 8 e 13 anos.

Características da puberdade
Além das mudanças físicas que acontecem nesse período, como o desenvolvimento dos seis, quadril, bumbum… Umas das características que mostram que a menina está entrando na puberdade é o interesse nas jovens por outros assuntos, como a sexualidade. É nesse período que você pode começar a se interessar por aquele carinha da sua sala de aula, por exemplo. Em algumas garotas, ocorre a primeira menstruação, mas a idade em que isso acontece também pode variar.

Sua amiga, a ginecologista
é legal que a sua primeira consulta a um(a) médico(a) ginecologista aconteça assim que você começa a perceber essa mudança no corpo de menina para mulher. Você pode até adiar a consulta, mas depois da primeira menstruação vai precisar ir sim ao médico. Isso porque ele vai tirar todas as suas dúvidas sobre essa nova fase que vai te acompanhar muitos anos, além de outros assuntos: “Nessa fase, é preciso entender o que é e como funciona a ovulação, além de informar-se sobre a vida sexual. É quando temos a obrigação de dar orientações sobre HPV e até discutir sobre anticoncepcional.”

Criar um vínculo com o seu médico: o ginecologista acaba participando de vários momentos na vida da mulher – primeira menstruação, primeiras relações sexuais, gestação e menopausa. Por isso é muito bom quando você consegue ser acompanhada sempre pelo mesmo médico.

Cuidados especiais
A puberdade é algo supercomum, afinal, faz parte do processo de crescimento de todo mundo. Mas a Dra. Flávia ressalta que é nessa fase fase que alguns diagnósticos de normalidade ou de transtornos já podem ser firmados, por isso é importante fazer uma visita ao médico. Problemas no aparelho reprodutivo e alterações hormonais podem ser diagnosticadas já nesse período, o que facilita também um tratamento.

Amanhã no Especial Sexo: Tudo sobre menstruação.

Cosultoria: Dra. Flávia Fairbanks, ginecologista.

Próxima notícia