Kim Kardashian pede ajuda inusitada ao presidente dos Estados Unidos. Oi?

Chama no poder Kardashian

Kim e Kanye
Foto: Reprodução

Eita! Para quem não sabe, o rapper A$AP Rocky está preso desde o dia 2 de julho na Suécia junto a outros dois membros da sua equipe. Os dois se envolveram em uma briga de rua enquanto visitava o país. Parece ruim, né? Mas, piora. O astro está em uma cadeia com péssimas condições, que podem até afetar a sua saúde, e tem tido diversos dos seus pedidos negados desde então. A situação desesperadora fez com que Kim e Kanye West saíssem em defesa do cantor e pedissem ajuda a ninguém mais, ninguém menos do que Donald Trump, o atual presidente dos Estados Unidos.

O pedido de Kim e Kanye West

De acordo com o TMZ, Kanye West soube do acontecimento e conversou com Kim, que estuda o sistema penitenciário americano desde 2018 afim de tentar ajudar pessoas que foram presas injustamente. Ela então, entrou em contato com Jared Kushner, que é genro do presidente, e logo falou com ele sobre o caso de A$AP.

O site norte-americano também afirmou que possivelmente, Trump acredita que o rapper foi preso de maneira injusta e tem a intenção de ajudá-lo. Além dele, o Secretário de Estado, Mike Pompeo, também está trabalhando no caso. Com a ajuda de Kim e Kanye, um outro integrante do Departamento de Estado viajou para a Suécia nesta quinta (18), para tentar resolver o caso.

“Muito obrigada @realDonaldTrump, @SecPompeo, Jared Kushner e todos os envolvidos nos esforços para libertar A$AP Rocky e seus dois amigos. O seu compromisso com a reforma da justiça é muito apreciado”, escreveu Kim em seu Twitter como forma de agradecimento.

https://twitter.com/KimKardashian/status/1151982013508775936

Mas, ao que tudo indica, a situação de A$AP ainda está longe de ser resolvida. O juiz envolvido no caso ordenou que o rapper fique preso por mais uma semana enquanto as investigações ainda estão sendo feitas. E esta não foi a primeira vez que o período de Rocky nessas condições foi estendido. A ordem inicial era de que ele ficaria por apenas três dias e depois o prazo foi estendido para duas semanas.


Para os promotores, ele deve ser mantido em cárcere porque “representa um risco”. No entanto, o homem que começou a agressão contra A$AP não foi preso até agora.

Os comentários estão desativados.