Fale conosco

O que vc está procurando?

TodaTeen

Beleza

Olheiras: contamos tudo que você precisa saber

Quantas vezes você já não ficou incomodada com as olheiras? O aspecto de mancha ou até mesmo de sombra abaixo dos olhos é apontado várias vezes como uma insegurança na aparência. Vamos lembrar que as olheiras, na maioria das vezes, são normais!

Para explicar um pouco mais sobre como elas são formadas, a TodaTeen conversou com o dermatologista Fernando Macedo, que comenta sobre as alternativas de tratamento e os cuidados no dia a dia.

Afinal, como surgem as olheiras?

Na maior parte dos casos, as olheiras são relacionadas a um aumento na pigmentação de melanina na região das pálpebras, tanto superioriores, quanto inferiores.

A tendência pessoal ou familiar, ou seja, famosa influência genética, é a principal influência na formação das olheiras. Além disso, sabemos bem que o cansaço de noites mal dormidas também contribuem. Quem nunca teve um sono péssimo e acordou com as olheiras bem destacadas?

Por outro lado, Fernando conta que também acredita-se que a congestão nasal e quadros de rinite intenso ou o cansaço de noites mal dormidas podem contribuir para a piora dessa pigmentação.

Tipos de olheiras…

Nem sempre as olheiras são aquelas com a pigmentação aumentada. “A região pode ser mais azulada devido aos vasos sanguíneos superficiais, geralmente azulados, que são bastante visíveis, pela pele da região ser mais fina”, conta Fernando.

Outro fator que pode causar essa impressão de olheiras é pela órbita ao redor dos olhos. Quando essa região é um pouco mais funda que a pele da bochecha, forma-se uma sombra, que dá a aparência de mancha no local.

Além disso, a velhice também pode impactar no aparecimento das olheiras. “O próprio envelhecimento natural das pessoas faz com que o osso ao redor da órbita vá sendo reabsorvido, portanto as olheiras devem ir piorando com o tempo nesse caso”, explica.

E quais são os tratamentos?

Feito qualquer procedimento, o tratamento das olheiras tem que ser realizado de acordo com a causa.

Na ocorrência de aumento de melanina e pigmentação, devem ser usados lasers que fragmentam e retiram esse pigmento. Já quando o processo de envelhecimento da pele favorece ou aumenta o aspecto das olheiras, lasers de rejuvenescimento podem ser usados para melhora do quadro.

Sobre a influência dos vasos na região, Fernando também conta uma solução. “Quando se percebe haver um aumento da vascularização, onde se pode ver vasos azuis sob uma pele fina, é necessário a atuação de lasers vasculares para fechar esses vasos, mudando a coloração do local”, conta.

Por último, se você percebe um degrau entre a órbita e a região da pele da bochecha, é possível ser realizado um preenchimento com ácido hialurônico no assoalho da região óssea, embaixo da pele, para que aquele local se eleve e essa percepção de sombra diminua.

Como cuidar das olheiras no dia a dia?

Para as curiosas de plantão, Fernando já deixa claro que os cremes para olheira geralmente não funcionam bem. O motivo por trás é que mesmo quando o alvo é a melanina, quando há um aumento de pigmentação, esses cremes não conseguem retirar o pigmento, provavelmente por ser mais profundo.

Porém, como é uma região de pele fina e que envelhece muito, os cuidados ao redor dos olhos são fundamentais para prevenir o aparecimento das olheiras e o agravamento das mesmas. “Cremes que contém hidratantes, ativos anti-aging ou até clareadores, devem ser usados mais no sentido de manutenção e ajuda a evitar a piora do quadro ao longo do tempo”, informa. Fica a dica!

Combinação de Signos

Confira a combinação de signos para todos do zodíaco

Descubra quais signos combinam no amor, sexo, trabalho e amizade. Faça quantas combinações desejar e compartilhe!

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.