Protetor solar: confira opções baratas para proteger sua pele

Dermatologista explica o que é preciso verificar ao comprar o produto

30 de novembro é Dia Nacional de Combate Ao Câncer de Pele. Segundo o Instituto Nacional do Câncer, o INCA, esse tipo de câncer é o mais comum no Brasil e corresponde a ¼ dos casos de tumores malignos do país. Por isso, é preciso se proteger e uma das maneiras mais eficientes é usando diariamente o protetor solar adequado.

Mulher passando protetor solar

Foto: Thinkstock/Getty Images

Que FPS devo usar?

A dermatologista Natalia Cymrot explica que o protetor deve ser usado todos os dias: “recomenda-se pelo menos um fator de proteção 30, mas se a pele for muito clara, seria até melhor o fps 45/ 50 ou 60. Quanto maior for a exposição ao sol diária, maior deve ser o fator de proteção, lembrando que deve ser reaplicado a cada 2 horas”. Mas atenção, além da proteção contra raios UVB que é indicada pelo FPS é preciso que o filtro também deve proteger contra os raios UVA que “deve ser pelo menos 1/3 do valor do FPS, ou seja, pelo menos 10”.

Pele Oleosa

A pele oleosa também precisa de hidratação e de proteção. Para isso, basta escolher o protetor adequado a seu tipo de pele: “existem filtros solares com veículos mais secos e até combinados com substâncias que controlam a oleosidade da pele”. Para identificá-los, busque por inscrições como oil free (sem óleo), oil control (controle da oleosidade) ou ainda os protetores em gel-creme.

Facial X Corporal

Alguns protetores são indicados para a pele do rosto, pois são combinados com outras substâncias adequadas a essa parte do corpo como “hidratantes, antioxidantes, reguladores de oleosidade e até substâncias que promovem o reparo dos danos ocorridos no DNA das células da pele pela exposição solar” explica a dermatologista. Já os protetores para o restante do corpo costumam não ter essas combinações além de serem mais resistentes à água e ao suor.

Preço

Alguns protetores tem o preço bem salgado, mas não se preocupe! Drª. Natalia explica que nem sempre os mais caros são os melhores: “é importante verificar no rótulo do produto suas características, principalmente a resistência á água, FPS (proteção ao UVB), PPD (proteção ao UVA) e se não é muito oleoso”. E e a aplicação correta, a proteção é garantida. Confira algumas opções acessíveis e cuide-se!


[galeria id=593 modelo=”vertical”]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *