As primeiras vezes de um namoro

O primeiro namorado a gente nunca esquece, certo? É com ele, normalmente, que experimentamos e vivenciamos coisas novas, como o...

As primeiras vezes de um namoro

O primeiro namorado a gente nunca esquece, certo? É com ele, normalmente, que experimentamos e vivenciamos coisas novas, como o primeiro beijo, a hora de apresentá-lo à família, a primeira vez, a primeira briga, a descoberta do ciúme e até o medo de perder alguém que gostamos. Enfim, como tudo é novidade, é um pouco complicado saber como agir! Se você está passando por isso, não se desespere: para tudo tem um jeitinho…

As primeiras vezes de um namoro

Foto: Thinkstock/Getty Images

Segure a onda
É realmente difícil saber como agir e qual a melhor decisão a ser tomada quando tudo é novo. Por isso, a dica é: “segure a onda”! O psicólogo Alexandre Bez explica que, nessas horas, agir por impulso é o mais comum, mas o melhor a fazer é esperar: “espere um pouco o tempo passar antes de tomar alguma decisão e, com isso, você vai evitar pagar algum mico. Com o tempo, você poderá avaliar mais suas atitudes em relação ao futuro do namoro e irá prestar atenção aos seus sentimentos”.

Deixa acontecer naturalmente…
Se você ainda se sente insegura em relação ao namoro, então tente agir de forma natural, sem querer ser o que não é. Isso vai contar muitos pontos positivos pra você, que vai mostrar sua maturidade. Além disso, o garoto vai sentir que você é independente e sabe o que quer. “Para isso, dê tempo ao tempo, não deposite todas as suas fichas na relação. Não se abra logo de cara, expondo suas vontades, seus defeitos, e, principalmente, as suas inseguranças”, ressalta Alexandre.

Quando é a primeira vez de…

apresentá-lo para a família: depois que ambos concordem que o relaciomento é sério mesmo! Caso contrário, não vale a pena apresentar para os pais, para que eles não criem uma grande expectativa do seu relacionamento.

chamá-lo de “namorado”: quando você tiver certeza de que está mesmo gostando dele e o sentimento é reciproco, tenha uma conversa com ele, investigue as expectativas dele em relação a você.

dizer “eu te amo”: quando você realmente achar que o ama. E isso leva um certo tempo. Mais uma vez, vá com calma e tente seja racional. Antes do eu te amo, avalie se o seu sentimento é amor ou paixão.

transar: quando sentir que está preparada. Como? Ao saber que aquele é o garoto certo naquele momento, que aquela é a hora certa. “As primeiras vezes marcam a garota não só naquele momento, mas pela vida inteira”, diz o psicólogo. 

confessar que está com ciúme: quando já estiver rolando algo mais sério entre vocês. Caso contrário, o gato poderá se assustar e se pensava em continuar com o lance, pode desistir por te achar ciumenta demais.


Por fim, vale ressaltar que, por mais que hoje você possa não estar se importando com as consequências das tais primeiras vezes, amanhã você vai lembrar, sobretudo se a experiência for negativa. Por isso pense bem, avalie se já é hora e lugar de dar o próximo passo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *