Sophie Turner, a estrela de “GOT”, está com depressão e anunciou pausa na carreira

Nós desejamos que ela fique bem...

sophie turner
Foto: Reprodução/Instagram

Uma notícia triste para os fãs de Game of Thrones (GOT). A estrela da série e esposa do nosso maravilhoso Joe Jonas, Sophie Turner, está com depressão e anunciou uma pausa em sua carreira como atriz, após período com longas jornadas de trabalho para as cenas finais do seriado.

A atriz revelou alguns detalhes sobre como se sentia no podcast americano “Phil in the Blanks”, divulgado nesta terça-feira (16): “Na verdade, eu ainda estou de folga. Tirei uma folga do trabalho para me concentrar na minha saúde mental, porque acho que é importante“.

Sophie Turner também contou que deseja se tornar policial

Também durante o podcast, Sophie, que tem apenas 23 anos, contou sobre outros caminhos que deseja conhecer em sua vida: “Quero fazer um monte de coisas, e não apenas no mundo do cinema. No momento tenho uma vontade real de entrar para uma academia de polícia e me tornar uma policial”.

sophie turner

A atriz em uma das cenas de sua personagem em Game Of Thrones – Foto: Divulgação

“Sou fascinada pelo crime e o porquê de as pessoas fazerem as coisas, o processo interrogatório e como você pode manipular suas palavras para conseguir que alguém confesse, isso me interessa”, disse a atriz.

Os comentários de ódio que abalaram seu psicológico

“Eu acreditava em tudo. Eu dizia: ‘Sim, sou cheia de sardinhas. Sou gorda. Sou uma má atriz‘. Eu ia para o departamento de figurinos várias vezes para apertar bastante o meu espartilho. Fiquei muito insegura. Não tinha motivação para sair ou fazer qualquer coisa, até com meus melhores amigos. Eu não queria vê-los, não queria nem sair para comer, revelou a atriz Sophie Turner.

sophie turner

Sophie e Joe juntinhos se divertindo – Foto: Reprodução/Instagram

Ela ainda contou que chorava ao trocar de roupa e que nunca pensou em cometer suícidio, mas que pensava sempre sobre o assunto: “Eu digo que eu não estava deprimida quando era mais nova, mas pensava muito em suicídio. Eu não sei por quê. Talvez seja uma fascinação estranha que eu tinha, mas sim, eu pensava nisso. Mas não acho que eu iria até o fim. Não sei.”

Nós esperamos que ela fique bem, mesmo que seja longe das superproduções durante um tempo. Vale lembrar o quanto precisamos tomar cuidado com os sentimentos das pessoas e com os nossos comentários dentro e fora das redes sociais.


As vezes, algo que parece pequeno pode ser o gatilho para uma pessoa tirar a própria vida. Empatia sempre, nunca sabemos de fato pelo o que as pessoas à nossa volta estão passando.

Os comentários estão desativados.