Integrantes da banda The Vamps sentados no chão com roupas escuras
Foto: Divulgação

The Vamps: Brad falou sobre o show em setembro no Brasil e muito mais!

O álbum Day and Night, fãs, ex-amores que viram inspiração... Eita que esta entrevista tá top!

Tem banda boa chegando: The Vamps faz um show em São Paulo no dia 17 de setembro. E pode esperar que o rolê vai ser bom! É que Brad, Tristan, Connor e James estão vivendo um momento incrível: o novo CD, Day And Night, já superou Ed Sheeran na primeira posição do ranking Albums Chart. A gente bateu um papo com Brad, vocalista da banda. O boy é uma simpatia e não vê a hora de chegar ao Brasil, yey!

tt: Vocês chegam ao Brasil em setembro para um show. O que podemos esperar dessa apresentação?
Brad: A gente vai levar muita música nova deste álbum e estamos com saudade dos brasileiros. Então podem esperar por um show inesquecível e cheio de energia boa!

tt: Essa não é a primeira vez de vocês no Brasil… Então, me conta: o que vocês mais curtem aqui?
Brad: Ah, eu amo a paixão dos fãs. A gente viaja bem, mas é difícil ver fãs enlouquecidas como as daí. O show acaba ficando muito intenso por isso. Sem contar o calor brasileiro, que pra gente é ótimo!

tt: O álbum novo do The Vamps, Day and Night, está fazendo um sucesso absurdo. Vocês até já tiraram Ed Sheeran da primeira posição no Albums Chart! O que isso significa para você?
Brad: Nossa, isso foi totalmente inesperado! Foi incrível, sabe quando um sonho vira realidade? Estamos trabalhando muito e com o pé no chão, mas essa foi inesperada mesmo. Somos humildes quanto a isso e ter um primeiro lugar na Albums Chart… Uau!

tt: E por que decidiram lançar este álbum em duas partes, The Day Edition e The Night Edition?
Brad: Porque fizemos muitas músicas para este álbum. Na hora de escolher as que entrariam ficou difícil deixar tantas de fora, sabe? Por isso, queremos dar dois álbuns no mesmo ano para os fãs e para a gente também, hehe!

tt: Curti muito a música Hands, com participação da Sabrina Carpenter. Como foi gravar com ela?
Brad: Ela é uma menina adorável e com uma voz incrível. Foi demais gravar com ela, uma superexperiência mesmo. Todos nós adoramos o jeito doce e decidido da Sabrina.

tt: A canção Middle of the Night fala de um amor que não durou, mas ainda assim rola muito sentimento. Quero saber se você já teve uma experiência assim.
Brad: Ah, com certeza! Quem nunca teve, não é? Essas coisas do coração são bem doidas e funcionam para nos dar inspiração.

tt: Já que o último álbum se chama Day and Night (noite e dia), quero saber: você é mais do dia ou da noite?
Brad: Sou da noite, sem dúvida. Adoro acordar tarde e acho que funciono melhor assim.

tt: Uma curiosidade: por que o nome The Vamps? Curtem esse tipo de história?
Brad: Somos grandes fãs de Crepúsculo. Mas de outras histórias de vampiros também. E amamos a noite, por isso achamos que tinha bem a ver!

tt: Pra encerrar, pode mandar um recado às fãs brasileiras?
Brad: Somos muito gratos pelo apoio dos brasileiros, muito mesmo! Vocês todos são lindos e moram no nosso coração, podem ter certeza. Mal podemos esperar por setembro!

 

 

Próxima notícia