Fale conosco

O que vc está procurando?

TodaTeen

Beleza

5 maiores dúvidas sobre cuidados com a pele durante o inverno

Crédito: Shutterstock

Hoje, 21 de junho, a temporada de inverno começa oficialmente. Com a chegada das temperaturas mais frias, ar seco e outras mudanças, o nosso corpo também acaba sofrendo algumas reações. Dependendo da intensidade, essas alterações podem ser mais visíveis no rosto e no restante do corpo. Mas a gente não pode deixar de cuidar da pele, né?

É super importante entender como adaptar o skincare para essa nova estação, mas a gente já tem um milhão de dúvidas para tirar. Ainda preciso passar protetor solar? Tenho que redobrar a atenção com os cabelos? A rotina de cuidados pode continuar a mesma do verão? Mas calma, vamos responder tudo!

É normal a pele ficar mais ressecada no inverno?

Sim! A baixa umidade do ar e a queda da temperatura levam a uma diminuição da transpiração corporal. Dessa forma, a pele torna-se mais ressecada e áspera, podendo até mesmo apresentar descamação e vermelhidão em algumas áreas. A pele também é prejudicada pelos banhos quentes e demorados, pois a água quente provoca a remoção intensa da oleosidade natural do tecido, diminuindo o manto hidrolipídico que retém a umidade e protege a pele.

“Evitar banho quente é um cuidado importante. Outro cuidado essencial com a pele é em relação à hidratação, pois é a etapa do skincare responsável por prevenir o ressecamento da pele, devendo ser então realizada de acordo com o tipo de pele de cada paciente”, recomenda o dermatologista Dr. Abdo Salomão Jr..

É importante evitar produtos de limpeza agressivos para a pele e investir na hidratação com produtos que vão reduzir a perda de água. Não devemos também esquecer de ingerir bastante água e investir em uma alimentação saudável, que deve conter legumes, frutas e vegetais ricos em vitaminas e minerais, como a Vitamina C.

Preciso aplicar protetor solar no inverno?

Com certeza! Não tem jeito, o protetor solar é de uso diário e indispensável. A radiação ultravioleta, também no inverno, provoca danos que comprometem a estrutura de sustentação da pele, causando o aparecimento precoce de rugas e flacidez, além das manchas como reação à fotoexposição. E isso também vale para quem está dentro de casa, já que a radiação UV ultrapassa vidros e janelas.

“A orientação continua a ser a de reaplicar o fotoprotetor de quatro em quatro horas em ambientes fechados. O filtro deve ter dióxido de titânio ou óxido de zinco na formulação: esses são bloqueadores físicos importantes”, explica a dermatologista Dra. Paola Pomerantzeff.

A rotina skincare do inverno deve ser igual à do verão?

Não, pois as necessidades da pele mudam de acordo com a estação. “No inverno, a pele fica naturalmente mais seca por conta do frio, baixa umidade, banhos quentes e ventos constantes. Então, é preciso adequar os produtos da necessaire a esse novo momento, procurando por cosméticos que privilegiem a pele nessa estação”, recomenda a especialista.

É verdade que a poluição que prejudica a pele é maior no inverno?

Verdade! No inverno ocorre um fenômeno conhecido como inversão térmica, quando o ar frio é impedido de circular por uma camada de ar quente. Como resultado, a camada de ar fria fica retida nas regiões próximas à superfície terrestre com uma grande concentração de poluentes, que são extremamente prejudicais à pele.

É interessante então investir em cosméticos formulados com ativos antipoluição, que possuem mecanismos diferenciados para combater a ação dos poluentes na pele, como a formação de um escudo biomimético ou um filme de proteção sobre o tecido cutâneo. Apostem na ação antioxidante!

Os cabelos também devem ser uma preocupação no inverno?

Com a queda da temperatura, os banhos se tornam mais longos e quentes e o couro cabeludo, que é rico em glândulas sebáceas, sofre um ressecamento excessivo causado pela alta temperatura. O resultado é a produção de oleosidade rebote, o que torna os fios pesados e favorece o surgimento da caspa e da queda capilar. Além disso, com a baixa umidade do ar, é comum os fios ficarem mais ressecados e sujeitos à quebra.

“Por isso, é importante investir em cuidados como evitar banhos quentes, utilizar uma máscara capilar de efeito nutritivo semanalmente, diminuir a frequência de uso do secador, sempre aplicando protetor térmico quando utilizá-lo, e não esquecer de consumir água, frutas e verduras, que auxiliam na hidratação”, aconselha o Dr. Abdo.

Combinação de Signos

Confira a combinação de signos para todos do zodíaco

Descubra quais signos combinam no amor, sexo, trabalho e amizade. Faça quantas combinações desejar e compartilhe!

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.